Notícia – CESPE só se pronuncia à Globo.com

gabarito-5

O CESPE resolveu quebrar o silêncio e só se pronunciou ao portal Globo.com, agora à noite, conforme notícia publicada às 20:33. Ainda na matéria do portal G1.com:

“Segundo o Cespe/UnB, o arquivo com os padrões de resposta da prova de direito de trabalho foi colocado no site na quarta-feira (11), por causa de uma confusão de datas, e retirado do ar em seguida.”

Apesar da justificativa dada pelo CESPE/UnB, alguns pontos permanecem obscuro e precisam ser investigados com rigor pelas autoridades competentes. É fato que houve VAZAMENTO do gabarito pela prova, conforme denúncias feitas em várias comunidades do Orkut e reproduzidas pelo Blog.

Porém, causa estranheza o desencontro nas informações prestadas pelo Cespe. Quando da publicação da “notícia de que o resultado sairia dia 11”, alguns examinandos passaram a informação adiante. Isto ocorreu no dia 10/11/2009, durante a tarde. Cerca de meia-hora depois, a notícia foi retirada do ar.

Quando a notícia da antecipação se espalhou, vários candidatos contataram por telefone o Cespe, para saber o motivo da nota ter sido publicada e apagada, logo em seguida. Em relatos no Orkut (veja aqui e aqui), a informação coincide: apesar de no primeiro momento, a notícia de que a divulgação seria antecipada ser verídica, houve no entanto, uma ordem suspendendo a divulgação.

O que causa estranheza aos examinandos são alguns detalhes, como por exemplo, o “nome do arquivo” constar a expressão “novo_entregue” e duas datas: 05.11.2009 e 27.10.2009 (veja abaixo).

gabarito-6

Mais dúvidas: por que APENAS a prova de direito do trabalho contém tal informação? Coincidência? Por que APENAS a prova de direito do trabalho vazou, e as demais, não? Como sempre, há uma nuvem de incertezas que paira sobre justamente ESTA PROVA.

No mais, não é a primeira vez que o CESPE se vê envolvida em um possível escândalo relativo ao Exame de Ordem. Em 2007, a 1ª fase do Exame OAB da seccional de Maranhão foi anulada, depois que a Polícia Federal flagrou um examinando com uma ‘cola’ impressa contendo um gabarito.

Naquela ocasião, como o exame não era unificado, foi decidido a anulação da 1ª fase e de todo o certame. Porém, todos tiveram que aguardar para fazer nova prova SOMENTE no próximo exame, gerando prejuízos incalculáveis à muitos dos examinandos. Veja nota publicada naquela época:

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Maranhão (OAB/MA) e o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB), considerando a anulação da primeira etapa do Exame de Ordem, levado a efeito por decisão da Diretoria da Seccional do Maranhão, vêm esclarecer o que segue:

1 – O Contrato de Prestação de Serviços celebrado entre ambas as instituições estabeleceu que ao CESPE/UnB caberia a elaboração das provas, a sua correção e a divulgação dos resultados, cabendo à OAB/MA , sob a supervisão técnica daquele, a aplicação das provas, aí incluídas a alocação de espaço físico e as atividades de fiscalização, como de fato ocorreu.

2 – Outrossim, reafirmam o interesse de zelar pela observância inafastável do princípio da moralidade pública que deve reger a atuação dos agentes públicos e que justificou a decisão de revogar a etapa do Exame colocada sob suspeita.

3 – Os candidatos inscritos no Exame de Ordem 2007.1 anulado terão garantidas as suas participações, sem ônus, no Exame de Ordem 2007.2, cuja prova objetiva ocorrerá no dia 19/08/2007.

Espera-se que o Ministério Público Federal e a própria Polícia Federal investiguem esta denúncia também,  com a mesma celeridade com que foram apuradas os indícios de fraude na prova do ENEM e do ENAD.  E principalmente: espera-se da OAB Nacional, a mesma coragem que teve a seccional do Maranhão ao anular a prova e refazer o certame, sob pena de, diante do silêncio do Conselho Federal, abrir-se um perigoso precedente que pode macular a credibilidade da própria instituição.

É hora da OAB considerar a anulação somente da questão prático-processual, contabilizando a pontuação a todos os examinandos, por ser a medida mais justa e isonômica. A anulação do certame, prejudicaria, pois, àqueles examinandos que prestaram prova prática em outros ramos do Direito e obtiveram aprovação.

11 Respostas to “Notícia – CESPE só se pronuncia à Globo.com”

  1. cati Says:

    Que cara-de-pau do Cespe!!! Estou chocada!! Que tipo de gente faz parte dessa instituição?? são pessoas..no mínimo…de idoneidade ética duvidosa…

  2. RAFAEL Says:

    A OAB NAO ERA PARA FAZER JUSTIÇA????
    ESTAO SENDO INJUSTOS COM OS BACHAREIS QUE ESTAO DEDICANDO A VIDA POR ESSA “PERMISSAO” DE TRABALHO…

    NAO AGUENTO MAIS NAO PODER EXERCER MINHA PROFISSAO, POR AUSENCIA DE UM REQUISITO TAO IRRELEVANTE..

    OAB NAO PROVA A CAPACIDADE INTELECTUAL DE NGM, SO QUER SABER DE $$$$$$$$

  3. O que não entendo é como escrevem que a CESPE divulgou antes sendo que o link com o suposto espelho não foi divulgado no site da CESPE e sim em um site publico internacional que é o http://www.4shared.com , isso não tem cara de ser erro da CESPE de data e sim de falha na segurança, o site publico aparece como data de postagem do arquivo o dia 11 do 11. ainda esta no ar, só entrarem e conferir.
    http://www.4shared.com/file/150233408/9a71eeec/Espelho_CESPE.html?err=no-sess

  4. ISSO É PALHAÇADA E NOS CHAMAR DE BURROS.

    TEMOS QUE AGIR E DEMUNCIAR, COLOCAR NA MIDIA.

    VAMOS ESPALHAR O SITE DO 4SHARED QUE DEMUNCIA QUE VAZOU O ARQUIVO DE DENTRO DA CESPE.

  5. Christinne Brilhante Says:

    É um absurdo o que o CESPE está fazendo com os bacharéis de direito, nos dedicamos, estudamos muito, gastamos uma nota em livros, cursinhos, inscrição da prova, que em alguns estados chega a mais de R$ 200,00… estávamos preparados sim, porém para fazer uma prova que realmente verificasse o nosso conhecimento e não essa prova que foi feita…não temos a quem recorrer diante de tanta injustiça, a prova foi mal elaborada, deu margem a várias respostas e eles só aceitam uma!!! É revoltante!!! Infelizmente ficamos com a impressão que eles querem realmente a reprovação da maioria… agora fica a pergunta… o que eles ganham com isso??? Será $$$$$?

  6. Eliana Says:

    Todos os bacharéis em direito, diante do abuso de poder que sobre nós recai há anos, pedimos a atenção da imprensa, que nos ouça, visto que não temos a quem recorrer.
    Dedicamos por cinco anos, a maioria com muita dificuldade, trabalhando o dia todo, freqüentando a faculdade no período noturno, varando a noite cravados nos livros, para ao final, nos depararmos com a maior decepção, a dura realidade de que para nós não há justiça. Sempre nos preparamos e sonhamos para ao final do curso de direito atuar para promover a justiça, e, ironicamente nos vemos desamparados… sem ter a quem recorrer…
    É-nos imposto um “concurso” absurdo, o qual tem única e exclusivamente a intenção de promover barreiras, com aplicação de provas que não quer avaliar conhecimento, provas preparadas para induzir a todo custo o examinando ao erro, tendo intuito claro de, a todo custo preservar o mercado de trabalho dos que já possuem a famosa carteira da OAB. E muitos, a maioria sequer fizeram exame algum para obtê-la, e talvez muitos não consigam nem mesmo enfrentar o exame que nos impõe com uma boa aprovação.
    Isto sem contar com o valor absurdo que cobram para a execução deste exame. Hoje fica em R$ 180,00 cento e oitenta reais… e, passando na primeira fase, não conseguindo aprovação na segunda, repete tudo novamente. Outra primeira fase, outra inscrição… mais cento e oitenta reais… Vocês já se perguntaram o quantum, a fortuna que arrecada anualmente a OAB em razão do Exame da Ordem?
    A imprensa, infelizmente, divulga, quase com exclusividade, o “discurso” da OAB, em defesa do Exame de Ordem, sem permitir a divulgação das opiniões jurídicas contrárias.
    Para que fosse mantido o respeito à Constituição, bem como à imparcialidade e à veracidade das informações jornalísticas, essencial em um regime que se pretende seja republicano e democrático, os dirigentes da OAB deveriam sair de seu isolamento, para contestar os nossos argumentos jurídicos, e a imprensa deveria divulgar as opiniões contrárias ao Exame de Ordem, e programar a realização de uma completa reportagem a respeito desse Exame, para que fossem ouvidos os dois lados interessados na questão: os dirigentes da OAB e os bacharéis impedidos de trabalhar pelo Exame de Ordem.

  7. Renato Says:

    Acho interessante, por que eu passei na primeira fase por mérito dos meus estudos, e por consequência, acertei a peça e 4 questões da segunda fase… Não temos culpa dos erros de quem não conseguiu tal mérito. Desejo boa sorte a todos, e que essa prova nunca seja anulada, pois vai prejudicar muitos que sofreram pra chegar até aqui. Abraços.

  8. Luciano Duarte Says:

    Sinceramente, chego a pensar em arrependimento na escolha da carreira . Sempre tive óimas impressões desta instituição (OAB), espero não me decepcionar e me arrepender.

  9. Hélio Abreu Says:

    Questão: 41
    Parecer: ANULAR
    Justificativa: a questão apresenta mais de uma resposta
    correta, motivo pelo qual o CESPE/UnB recomenda sua
    anulação.
    Questão:

    CESPE no exame 2008/3 agiu desta forma, agora será diferente porque???

  10. Rafael Nascimento Says:

    Não entendo porque estão falando em anulação. O vazamento ocorreu depois da aplicação da prova. Em que isso beneficiaria alguém? Talvez matar a curiosidade de saber o resultado alguns dias antes do previsto? Por que estão falando em anulação? Não faz nenhum sentido. Entendo a revolta de que não passou, mas não podem querer prejudicar os que conseguiram êxito.

  11. I am often looking for new informations in the net about this subject. Thanx!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: